#Notícias Unitoledo
 
 

Primeiro Clube do Livro UT5 supera expectativas

Verônica Martin

No dia 19 de setembro ocorreu a primeira reunião do Clube do Livro UT5. A ideia, da professora Sueli Leite, foi de proporcionar aos alunos do UniToledo,  principalmente de cursos da área de exatas, a oportunidade de ampliar seus conhecimentos e estimular a leitura de grandes obras.

O primeiro encontro teve como curador o Prof. Dr. Carlos Eduardo Marotta Peters, que apresentou aos alunos a obra “Metamorfose” do escritor modernista da língua alemã, Franz Kafka. O Clube do Livro reuniu alunos de diversos cursos e áreas, como: Engenharias, Gestão de Recursos Humanos, Arquitetura e Urbanismo, Jornalismo, Publicidade e Propaganda e Direito.

Para Sueli, o primeiro encontro superou as expectativas. Ela acredita que o evento serviu para despertar o interesse pela leitura da obra. “Diversos alunos compraram o livro, emprestaram de colegas e da própria biblioteca da instituição. Foi bem legal ter a presença de vários alunos, eles me contaram que gostaram bastante”.

ESTIMULANDO IDEIAS

A aluna do 4º semestre de Arquitetura e Urbanismo, Ana Laura Roma, conta que nunca havia tido a oportunidade de participar de reuniões do tipo e por meio dessa atividade, pôde perceber como o encontro é capaz de trazer ainda mais didática. “Foi uma experiência gratificante, ainda mais por ser uma obra que li há algum tempo e tenho certo apego”.

Ana Laura também comenta que promover reuniões como essa pode gerar curiosidade nos alunos, para quê, aqueles que não leram ou não conheciam a obra tenham algum interesse. “É um instigo que nós temos para não deixarmos de ler nunca”.

A acadêmica ainda afirma que é sempre importante analisar outras perspectivas e que o Clube do Livro foi uma ferramenta de fomentação do pensamento crítico e analítico. “Um livro mesmo que teórico, nunca vai ser lido sob mesmos olhares. Sempre que alguém me traz uma nova proposta de interpretação fico intrigada.”

“O Clube Do Livro tem o papel de mostrar livros de forma didática e espontânea, fugindo de planos de ensinos ou qualquer autoritarismo educacional. Em arquitetura, nós temos que ler muitas obras, praticamente um ou dois livros por semestre, mas todas ligadas ao curso. Não há prazer em ler por ler, apenas prazer em ler para entender”, conclui a acadêmica.

PRÓXIMO ENCONTRO

Com grande presença dos alunos e feedback positivo, o próximo encontro já tem data marcada. Será no dia 24 de outubro, às 21h50 e terá como curador o Prof. Dr. Francisco Antonio Ferreira Tito Damazo. O livro do mês será “Poema Sujo” de Ferreira Gullar.

Edição: André Ferreira